Uma atitude pode mudar o mundo. Doe para o CASCA

Professor do campus da UFAL de Delmiro Gouveia é processado por esconder da amante que era casado

(Foto: Ascom/Ufal)
Um professor assistente do Campus Sertão da Universidade Federal de Alagoas (UFAL), localizado em Delmiro Gouveia, está sendo processado pelo crime de fraude sexual. O educador, cujo nome está sendo preservado, teria escondido da amante que era casado.
A pessoa que se diz vítima do professor, que também não terá o nome divulgado, afirma que começou a ser assediada por ele, durante encontros promovidos pela universidade federal. Ela, que é mãe de uma aluna do campus, diz que depois de muita insistência do acusado, alegando que era solteiro, os dois começaram a manter relações sexuais.
Ainda de acordo com a mulher de 30 anos, durante um ano, o professor que se dizia apaixonado por ela conseguiu esconder que era casado com uma professora do mesmo campus universitário. A vítima diz que somente descobriu que estava sendo enganada, quando foi abordada pela esposa traída.
Diante da situação, depois de passar por diversos constrangimentos, a vítima resolveu processar o professor por fraude sexual. O processo nº 07027001520168020001 tramita em segredo de justiça, na 3ª Vara Criminal da Capital.
Fraude Sexual - se enquadra no Artigo 215 do código penal, e apesar de pouco divulgado é um crime bastante comum. O comete, por exemplo, o homem que engana à amante dizendo ser solteiro ou ser dono de um grande patrimônio, e que com isso consegue manter relação sexual ou praticar outro ato libidinoso com a vítima.
Minuto Sertão
Compartilhar no Google Plus

About tvmais delmiro

This is a short description in the author block about the author. You edit it by entering text in the "Biographical Info" field in the user admin panel.
    Blogger Comment
    Facebook Comment

0 comentários:

Postar um comentário