Uma atitude pode mudar o mundo. Doe para o CASCA

Coruripe e Murici desafiam gigantes alagoanos pelo título estadual

Dupla de times alviverdes podem fazer grande final do Alagoano 2016; saiba mais de cada equipe  COMENTE
Hulk e alviverde da Zona da Mata querem eliminar gigantes do futebol alagoano nas semifinais
FOTO: JAILSON COLACIO / MURICI F.C.
O Campeonato Alagoano chegou à reta final, restando apenas quatro jogos para conhecermos o campeão estadual de 2016. Como na grande maioria das edições do Alagoano, a dupla de gigantes, CSA e CRB, está entre os quatro melhores do torneio. Porém, a história tem provado que derrubar os maiores detentores de títulos em Alagoas não mais é uma missão considerada impossível por alguns, com os também semifinalistas Murici e Coruripe se atendo a esta lógica. 
Das 16 decisões deste século, sete não tiveram nem CSA, nem CRB entre os finalistas. Destas disputas, o Coruripe participou de quatro delas, enquanto o Murici esteve na final apenas uma vez. E o Hulk ainda leva vantagem ainda maior sobre o rival alviverde se levarmos em conta o total de vezes (7) em que o time de Coruripe disputou título na 1ª divisão de Alagoas.
Contudo, se ampliarmos o raio das comparações, em apenas 12 vezes, a final do Campeonato Alagoano não teve a participação de azulinos ou regatianos, que, juntos, já decidiram o Estadual em 38 oportunidades, somando 65 títulos nas 85 edições disputadas até aqui.
Murici quer título de aprovação
Em 2010, o Verdão da Zona da Mata chegou ao título alagoano após vitória sobre o ASA, impedindo o bicampeonato do Alvinegro de Arapiraca naquele ano. Depois disso, porém, o clube não mais conseguiu sequer chegar a uma decisão.
Por isso, o time de Murici tenta a segunda conquista, a fim de não mais ser visto, definitivamente, como azarão. Para tal, deixou para trás a polêmica em torno da inscrição de seus jogadores no início da campeonato, o que quase resultou em sua eliminação do certame, não fosse decisão do Supremo Tribunal de Justiça Desportiva (STJD).
Murici busca segundo título estadual para se afirmar no futebol alagoano
FOTO: THIAGO DAVINO / ASCOM CRB

Passado o problema de bastidor, dentro de campo, o time oscilou durante o primeiro turno da fase de grupos do Campeonato Alagoano, amargando as últimas posições do grupo A. Porém, no returno do estadual, o Verdão retomou o bom futebol e chegou a ficar em 3º, na zona de classificação. No hexagonal, chegou aos sete pontos após campanha com duas vitórias, duas derrotas e um empate. 
Agora, o time volta a campo para, nas semifinais, encarar o CSA, equipe com melhor aproveitamento no torneio. E vai tentar surpreender também com jogadores rodados, como o zagueiro Rodrigão e o atacante Peixinho, que, inclusive, foi campeão com a camisa alviverde. 
Porém, é o centroavante Katê que tem sido o nome de maior destaque. Ele é um dos artilheiros do campeonato, com sete gols, ao lado de Lúcio Maranhão, do CRB, e Luis Soares, do CSA. Ou seja, Katê é uma das armas do técnico Bilu para surpreender o Azulão nas semifinais e, com isso, garantir vaga na Copa do Nordeste e Copa do Brasil do ano que vem.
Coruripe tenta a terceira final consecutiva
Já o Coruripe tenta a consagração. Com apenas 13 anos de história, já tem três taças de campeão alagoano, tendo chegado a sete finais, sendo, em duas delas, de forma consecutiva. Nas duas ocasiões, o time alviverde enfrentou o CRB, vencendo uma e perdendo outra - foi vice-campeão no ano passado.
O Verdão do Litoral Sul tem sido uma pedra no sapato dos grandes da capital. Isso porque, além do título sobre o Galo há dois anos, a vítima do Coruripe em 2015 foi o Azulão, que, além de ter ficado de fora da final, não alcançou seu principal objetivo na temporada: garantir calendário no segundo semestre daquele ano.
Hulk busca terceira final consecutiva e segundo título em três anos
FOTO: AÍLTON CRUZ / GAZETA DE ALAGOAS

Este ano, o clube participou da Copa do Nordeste e ainda está vivo na Copa do Brasil, já que enfrenta o Botafogo no próximo dia 28, no Rio de Janeiro, após ser derrotado por 1x0, no Gerson Amaral. No Alagoano, o Hulk também oscilou no Campeonato Alagoano, mas, nos momentos mais decisivos, conseguiu se impor para assegurar vitórias importantes, chegando às semifinais com vantagem sobre o CRB.
Tudo porque o Coruripe, jogando em casa, na última rodada do hexagonal, somou ponto importante diante do Santa Rita, chegando a sete e ultrapassando o então vice-líder CRB pelo saldo de gols, com duas vitórias, uma empate e duas derrotas, para CRB e CSA.
E para derrotar o Galo na quinta-feira, o técnico Jaelson Marcelino aposta na força de seu meio-campo. Além do talentoso Aurélio, o time ainda conta com João Paulo, que joga pelas beiradas. 
O atacante Júnior Chicão, por sua vez, é outra arma do Coruripe. Por fim, o setor defensivo também tem nomes de destaque, a exemplo do zagueiro Willames José e do goleiro Gott, que também tem ajudado o Hulk a seguir adiante.
Final alviverde?
Caso cheguem à final, Coruripe e Murici farão uma decisão inédita. Para passar, o Verdão terá que atentar à vantagem azulina, que pode jogar por dois resultados iguais, com o segundo jogo no Rei Pelé. O primeiro confronto entre alviverdes e azulinos será nesta quarta-feira (20), às 21h45.
Já para o Hulk, a missão é um pouco mais amena, apesar de ter pela frente o atual campeão. O time tem a mesma vantagem do CSA, além de decidir a segunda partida em seus domínios. O primeiro jogo entre Coruripe e CRB será na próxima quinta-feira (21), às 19 horas, no Trapichão.
Por Fillipe Lima | Portal Gazetaweb.com
Compartilhar no Google Plus

About tvmais delmiro

This is a short description in the author block about the author. You edit it by entering text in the "Biographical Info" field in the user admin panel.
    Blogger Comment
    Facebook Comment

0 comentários:

Postar um comentário