Uma atitude pode mudar o mundo. Doe para o CASCA

Site vaza contrato de Neymar, que garante ganho de R$ 187 milhões

"Football Leaks" traz à tona íntegra do documento. Há cláusulas que obrigam brasileiro a tentar aprender catalão; salário anual é de R$ 20,4 milhões  COMENTE
Neymar recebe cinco milhões de euros por ano, segundo site
FOTO: GLOBOESPORTE.COM
Neymar e o Barcelona foram as novas vítimas do "Football Leaks". O site, que vem trazendo à tona documentos do mundo do futebol desde o ano passado, publicou nesta segunda-feira o a íntegra do contrato do jogador com o clube catalão, assinado em 2013, após a transferência do camisa 11 do Santos. Chama a atenção uma cláusula que garante ao atacante um ganho de ? 49,5 milhões (R$ 187 milhões) entre a assinatura e o fim do vínculo, em junho de 2018. Caso o salário e os bônus de Neymar não somem tal valor nos cinco anos, o Barça é obrigado a arcar com a diferença, segundo os papéis.
O contrato afirma que o salário de Neymar é de ? 5 milhões (R$ 20,4 milhões) por temporada e apresenta diversos prêmios por conquistas e utilização em mais de 60% dos jogos nas temporadas, que podem somar até ? 2,7 milhões (R$ 11 milhões) em um ano em que o clube conquista a Tríplice Coroa - como aconteceu na temporada passada. Uma cláusula diz que o brasileiro recebeu um bônus de ? 8,5 milhões (R$ 34,7 milhões) pela transferência (inicialmente o Barça havia dito que Neymar tinha ganho ? 10 milhões de luvas).
Há, ainda, uma cláusula que obriga Neymar a fazer o maior esforço possível para integrar-se à comunidade da Catalunha, cabendo ao jogador tentar aprender a língua catalã - utilizada, junto ao castelhano, em documentos oficiais do Barça. O atacante também tem algumas restrições, como praticar esportes radicais e andar de moto, e também participar de apostas esportivas. O contrato também apresenta uma série de instruções para que o jogador mantenha a conduta de jogador profissional, evitando realizar atividades físicas que possam trazer risco de lesão ou atrapalhem o descanso físico necessário.
Há um capítulo no contrato que trata exclusivamente da participação de Neymar na seleção brasileira. O documento diz que o Barça deixará de pagar salário ao atacante caso ele esteja a serviço do Brasil em datas que não sejam consideradas oficiais pela Fifa. 
- As convocações para qualquer jogo fora do calendário único de competições comportam a suspensão do contrato durante o período de liberação. A suspensão vai gerar a dedução de todas as quantidades proporcionais vinculadas ao contrato do jogador - diz o trecho.
Este contrato diz respeito apenas à relação trabalhista entre Neymar e o Barcelona, não abordando a transferência do jogador, vindo do Santos, que vem gerando polêmica no Brasil e na Espanha desde 2013. As divergências nos valores divulgados e o que foi desembolsado pelo Barça geraram uma investigação pela Justiça espanhola, criando uma crise política no clube em 2014, a ponto do presidente Sandro Rosell renunciar ao cargo. 
Já sob o comando de Josep Maria Bartomeu, vice de Rosell, o Barça esclareceu outros pontos da transferência, trazendo à tona diversas cláusulas, como valores pagos à empresa do pai de Neymar, a N&N, luvas, comissão para agentes. Os ? 17,1 milhões pagos ao Santos somados aos outros valores chegam ao montante de ? 86,2 milhões.
Diante da polêmica, o grupo DIS, que possuía parte dos direitos econômicos de Neymar, fez uma denúncia que deu origem ao processo que o jogador e sua família vêm enfrentando na Justiça espanhola. No Brasil é a Receita Federal que investiga possível fraude cometida pelo jogador e seu pai.
"Football Leaks" é um portal que defende a transparência no futebol mundial e foi criado com o objetivo de vazar documentos envolvendo quantias financeiras do esporte. O criador mantém sua identidade em sigilo na tentativa de evitar ataques. 
Fonte: globoesportes
Compartilhar no Google Plus

About tvmais delmiro

This is a short description in the author block about the author. You edit it by entering text in the "Biographical Info" field in the user admin panel.
    Blogger Comment
    Facebook Comment

0 comentários:

Postar um comentário