Uma atitude pode mudar o mundo. Doe para o CASCA

Internacional vence América-MG e assume liderança provisória

Em memória de Fernandão, que morreu em 7 de junho de 2014, o telão do Beira-Rio pediu para que os torcedores dessem uma salva de palmas


Com dificuldades no meio-campo mas letal nos cruzamentos, o Inter venceu o América-MG por 3 a 1 na tarde fria deste sábado (11) no Beira-Rio, em Porto Alegre. Com a vitória, o Inter “dorme” na liderança do Brasileiro com 16 pontos, enquanto o América-MG fica na zona do rebaixamento, em 18º, com 5 pontos.
No início da partida, parecia que o Internacional não teria muitas dificuldades em vencer. Logo aos 2 minutos, William buscou uma bola difícil na ponta direita e cruzou para a área – entre os zagueiros, Aylon emendou de primeira na saída do goleiro João Ricardo: 1 a 0. Aos 5 minutos, Fernando Bob lançou Artur dentro da área. O lateral cruzou e encontrou Aylon, que finalizou novamente de primeira, com a perna esquerda: 2 a 0.
Aos 9 minutos, um momento emocionante no estádio: em memória de Fernandão, que morreu em 7 de junho de 2014, o telão do Beira-Rio pediu para que os torcedores dessem uma salva de palmas. Até mesmo o técnico Argel acompanhou o gesto da torcida.
Depois disso, o América-MG passou a dominar as ações da partida, ficando mais com a bola no meio campo e levando perigo, especialmente com os passes do meia Osman. Aos 14 minutos, uma cabeçada de Borges obrigou Danilo Fernandes a fazer uma grande defesa.
Aos 18 minutos, a ousadia do América-MG fora de casa foi premiada: Eduardo lançou da intermediária uma bola para a área do Internacional. Borges escorou para o zagueiro Adalberto, que chutou forte no ângulo de Danilo Fernandes: 2 a 1. Aos 23, Osman fez uma grande jogada – com direito a drible no meio das pernas de Fernando Bob – e passou para Danilo, que chutou no canto para a defesa do goleiro colorado.
Aos 25, Borges cabeceou para fora. O América-MG continuou mantendo os ataques perigosos, enquanto o Inter errava passes e lançamentos. A melhor chance colorada foi aos 45, quando Gustavo Ferrareis prendeu a bola na área e Aylon chutou mascado.
No início do segundo tempo, o jogo de troca rápida de passes do América-MG criava dificuldades para a defesa colorada, enquanto o Internacional sofria com a falta de presença na área e os erros de passe no último terço do campo. Para mudar o cenário, os dois técnicos fizeram alterações: Anderson entrou no lugar de Alex no Inter e Alan Mineiro substituiu Eduardo no América.
As mudanças surtiram melhor efeito na equipe colorada, que começou a acertar mais passes e reter mais a bola no último terço do campo. Aos 28 minutos, a melhora na equipe foi premiada com um gol, mais uma vez em cruzamento para a área: William cobrou uma falta na ponta direita na cabeça de Ernando, que fuzilou sem chances para João Ricardo, fazendo 3 a 1.
Fernando Bob recebeu o terceiro cartão amarelo e foi suspenso. Prevendo dificuldades na próxima partida, Argel resolveu dar ritmo de jogo ao volante Rodrigo Dourado, que entrou aos 34 minutos do segundo tempo no lugar de Gustavo Ferrareis. Aos 37 minutos, após um belo drible em Adalberto, Vitinho bateu forte e fez tremer o travessão de João Ricardo.
Precisando de dois gols nos minutos finais, Sérgio Vieira colocou o atacante Sávio no lugar do volante Leandro Guerreiro. Também aos 39 minutos, o lateral Geferson, que já apareceu até na Seleção Brasileira e estava ausente por lesão, voltou à equipe colorada no lugar de Artur.
A próxima partida do Inter na Série A será contra o Atlético-MG, no Beira-Rio, às 19h30 (de Brasília) da próxima quinta-feira (16). Antes, na quarta-feira, às 21h (de Brasília), o América-MG vai a Volta Redonda encarar o Botafogo.
Gazeta Esportiva
Compartilhar no Google Plus

About tvmais delmiro

This is a short description in the author block about the author. You edit it by entering text in the "Biographical Info" field in the user admin panel.
    Blogger Comment
    Facebook Comment

0 comentários:

Postar um comentário