Uma atitude pode mudar o mundo. Doe para o CASCA

Três suspeitos de crimes morrem em confronto com a polícia

Militares teriam sido recebidos a tiros no bairro do Clima Bom, na parte alta de Maceió  

Suspeitos foram socorridos pela própria polícia, mas chegaram em óbito ao HGE, no Trapiche
FOTO: ARQUIVO/GAZETAWEB
Três suspeitos de envolvimento em vários crimes cometidos na Grande Maceió morreram, na tarde desta terça-feira (7), durante uma operação policial realizada no bairro Clima Bom, em Maceió. Com os suspeitos, segundo a polícia, foram apreendidas pistolas .40 e nove milímetros, além de munição dos mais diversos calibres. Os suspeitos chegaram a ser socorridos ao Hospital Geral do Estado (HGE), no Trapiche, mas não resistiram aos ferimentos.
De acordo com subcomandante do 1º Batalhão, major Rocha Lima, as equipes da Polícia Militar foram informadas de que um suspeito, identificado como Roberto Sales dos Santos, de 28 anos, vulgo "Tinho", escondia-se em uma residência localizada na parte alta da capital, próximo à sede da empresa Limpel. Diante da informação, o oficial decidiu executar a operação, em parceria com o Batalhão de Operações Policiais Especiais (Bope). Outro suspeito encaminhado para o HGE foi identificado como John Aldo Alves Leobinos da Paz, e a terceira vítima ainda não foi identificada.
Segundo o major, quando as equipes da Segurança Pública chegaram à residência apontada como o local onde o suspeito se encontrava, os militares foram recebidos à bala, havendo a reação. Em seguida, os militares entraram na residência e se depararam com os suspeitos já baleados. O trio foi colocado na viatura do Bope e encaminhado ao HGE. 
"Tinho estava foragido e, contra ele, pesavam vários mandados de prisão. Pretendíamos prendê-lo, mas, na abordagem, houve a reação e os suspeitos foram baleados. Há, ainda, a informação de que os suspeitos tinham envolvimento com quadrilhas que atuam em outras regiões do país, além de terem ameaçado autoridades do Poder Judiciário alagoano", explicou o subcomandante do 1º BPM. 
O secretário de Segurança Pública de Alagoas, coronel Lima Júnior, e o comandante da Polícia Militar, coronel Marcos Sampaio, estiveram no local da ocorrência e parabenizaram os militares pela localização dos suspeitos e apreensão das armas e munições. 
"Ficha corrida"
À Gazetaweb, o delegado do Pilar, José Carlos, revelou que Roberto Sales tinha cinco mandados de prisão em aberto. Somente na cidade do Pilar, ele é acusado de vários homicídios. Um deles, inclusive, teve como vítima o parente de um ex-comandante da Polícia Militar. 
A Polícia Civil ressaltou também que, no dia 08 de março, ele teria executado duas pessoas, enquanto que, no dia 15 de março, a vítima foi José Marcos de Almeida, também morta a tiros no Pilar. A motivação dos crimes, porém, não foi informada.
Por Jonathas Maresia | Portal Gazetaweb.com

Publidade
Compartilhar no Google Plus

About tvmais delmiro

This is a short description in the author block about the author. You edit it by entering text in the "Biographical Info" field in the user admin panel.
    Blogger Comment
    Facebook Comment

0 comentários:

Postar um comentário