Uma atitude pode mudar o mundo. Doe para o CASCA

Boa Esporte confirma a contratação do goleiro Bruno, que já veste a camisa

Advogado do jogador informou por telefone que o contrato com a equipe de Varginha está fechado

FOTO: LÚCIO ADOLFO
O goleiro Bruno Fernandes já é atleta do Boa Esporte. Pelo menos é o que diz o advogado do jogador, Lúcio Adolfo. O Boa Esporte também confirmou a informação. O contrato será de dois anos e o jogador irá disputar o Módulo 2 do Campeonato Mineiro e a Série B do Brasileiro pela equipe de Varginha. 
Segundo a diretoria do Boa Esporte, a previsão é que ele se apresente na próxima terça-feira para os treinos e que volte a jogar entre 50 e 60 dias. O advogado do goleiro disse que ele recebeu propostas de várias equipes do país, mas que optou pelo clube de Varginha por lealdade. 
- É um conjunto de fatores, o Bruno recebeu uma série de propostas, o Paduense, o Friburguense, o Bangu, o América-RJ, o Miami United, Betinense, Ceará, Brasiliense. O Bruno não procurou nenhum desses clubes, eu não procurei nenhum desses clubes. Mas o Bruno tinha que fazer uma opção. Primeiro a questão de lealdade ao gesto que o Boa teve quando o Bruno pretendia a sua liberação, segundo Minas Gerais por ser um estado hospitaleiro - disse o advogado Lúcio Adolfo. 
Segundo o advogado do jogador, Bruno Fernandes não teme má recepção da torcida, pois está focado na sua ressocialização.
- Na realidade, ninguém está preparado para algo que nunca vivemos, nunca vivenciamos. O que eu vejo é a receptividade que o Bruno teve no local. Vocês viram hoje como ele foi bem recebido. Claro que nós estamos preparados, o Bruno está determinado a enfrentar essa nova etapa, a trabalhar seriamente. Eu só tenho que ter confiança, eu nunca trabalho do ponto de vista negativo - disse o advogado.
O diretor do Boa Esporte, Roberto Moraes, disse que não está preocupado com as questões do goleiro com a Justiça. Ele disse que a prioridade é a qualidade do time.
- Na realidade tem 4 ou 5 dias que a gente apertou mais, mas o Boa Esporte sempre teve interesse, enviou o documento para ajudar ele a ter o benefício com a Justiça, foi isso. Eu não tenho que comentar sobre isso (sobre os problemas do Bruno com a Justiça), eu tenho que ver a parte do Boa tecnicamente. Se eu estou contratando é porque ele tem condições de jogar pelo Boa - disse Moraes.
No Instagram, a esposa do jogador fez uma postagem durante a tarde desta sexta-feira fazendo referência à equipe de Varginha.
Assim que soube da notícia, o presidente do Montes Claros, Ville Mocelin, com quem o goleiro tem contrato válido até 2019, afirmou à equipe do GloboEsporte.com Grande Minas e Vales que ainda não foi procurado pela diretoria do Boa Esporte nem pelo empresário do goleiro sobre essa negociação com o clube de Varginha. No entanto, ele garantiu que vai esperar um desfecho para entrar em contato com o Boa Esporte e os representantes de Bruno.


Em contato com o GloboEsporte.com, o diretor do América-RJ, Marco Antônio Teixeira, confirmou que houve contato com o advogado de Bruno para saber a situação jurídica do jogador, só que a conversa não avançou. Já o presidente do Bangu confirmou que só queria o jogador se fosse para a Série D. O CEO do Miami United, Roberto Sacca, informou por mensagem que "a informação não é verdadeira". O Friburguense negou o interesse em Bruno.
Por Globo Esporte | Portal Gazetaweb.com
Compartilhar no Google Plus

About tvmais delmiro

This is a short description in the author block about the author. You edit it by entering text in the "Biographical Info" field in the user admin panel.
    Blogger Comment
    Facebook Comment

0 comentários:

Postar um comentário